Germano Rigacci Júnior é reconduzido ao cargo de reitor da PUC-Campinas – Hora Campinas


O Arcebispo Metropolitano de Campinas e Grão-Chanceler da PUC-Campinas, D. João Inácio Müller, anunciou na última quarta-feira (15), em apresentação oficial no Conselho Universitário (Consun) da PUC-Campinas, a recondução do Prof. Germano Rigacci Júnior ao cargo de reitor da Universidade. Desde 2018 à frente da administração da Universidade, o reitor continuará no posto até 2025.

D. João disse que o processo de escolha iniciado em julho, quando convidou o Germano para continuar na função. Em agosto foi enviado uma carta ao Cardeal Giuseppe Versaldi, prefeito da Congregação para a Educação Católica. A aprovação só veio na manhã da quarta-feira e o anúncio foi feito no período da tarde na sala do Conselho Universitário para a comunidade acadêmica.

Estiveram presentes, além do Arcebispo e do reitor, o vice-reitor e vice-presidente da Sociedade Campineira de Educação e Instrução Prof. Dr. Pe. José Benedito de Almeida David, pró-feitores, diretores de centros e de cursos, além de funcionários de diversos departamentos.

“É um desafio continuar servindo nessa missão. Nesses primeiros quatro anos como reitor aprendi que o maior valor para o cargo é o da humildade. Não se faz nada sozinho, o que realmente faz é o trabalho em comunidade ”, disse.

O reitor também disse que o plano estratégico para a Universidade até 2025 já está elaborado e que as reformas institucionais serão implantadas na próxima gestão, com aprofundamento dos eixos estratégicos e investimentos em aprimoramento da pesquisa, do ensino e da extensão universitária.

Durante seus quatro primeiros anos de administração, o Germano investiu nas melhorias de qualidade e excelência da Universidade em diversas áreas, em especial na pesquisa, projetos de Extensão voltados para a comunidade externa, inovação e empreendedorismo, tecnologia, sustentabilidade e longevidade. Isso resultou no destaque da PUC-Campinas nos principais rankings nacionais e internacionais de avaliação educacional.

O Centro de Longevidade Vitalità, uma das iniciativas recentes, foi criado em 2020 para incentivar o desenvolvimento de pesquisas, cursos e projetos voltados para o público 60+. Além das atividades implantadas de forma virtual durante uma pandemia, o Vitalità ganhou uma sede própria no Campus I para suas atividades presenciais assim que principais liberadas pelas autoridades sanitárias.

O Projeto Mescla foi outro marco da gestão, um espaço voltado para empreendedorismo, inovação e parcerias entre Universidade, startups e grandes empresas. O espaço, inaugurado em 2020 no Campus I, tem laboratórios com equipamentos para preparação de protótipos (como impressoras 3D e máquinas de corte a laser), auditórios, espaços para cursos, coworking etc. Um outro Espaço Mescla voltado para a área de saúde foi inaugurado em novembro no Campus II.

A Universidade também investiu em novos formatos de Ensino à Distância, abertura de cursos para atender demandas atuais e cursos de especialização para alunos e ex-alunos que querem se aprimorar nos seus campos de atuação.

Germano Rigacci Júnior assumirá o novo mandato em 1º de fevereiro de 2022, data ainda a ser confirmada. A equipe que vai compor a reitoria da Pontifícia Universidade Católica de Campinas para a gestão 2022-2025 será empossada durante a mesma fonte.

Rigacci Júnior ocupou o cargo de vice-reitor da Universidade na gestão de 2014-2018 e foi pró-reitor de Graduação durante as gestões 2006-2010 e 2010-2014. Coordenou o Núcleo de Pesquisa e Extensão do Centro de Ciências Humanas da PUC-Campinas durante a gestão 2002-2006. Foi coordenador do Departamento de Disciplinas Filosóficas Auxiliares e coordenador do Departamento de Disciplinas Filosóficas Específicas durante a década de 90.

Ele é graduado pela Faculdade de Filosofia da PUC-Campinas, em 1984, com mestrado em Filosofia, em 1995 e doutorado em Educação, em 2001, ambos pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).



Source link

Escreva um Comentário