Comerciantes relatam alta de furtos no distrito de Campinas após fechamento de bases da Guarda | Campinas e Região


Comerciantes do distrito de Barão Geraldo, em Campinas (SP), reclamam de furtos ocorridos na região, após a desativação de duas bases da Guarda Municipal. Na madrugada desta terça-feira (21), um bar na Avenida Santa Isabel foi invadido.

Segundo o proprietário, duas televisões e uma garrafa de Whisky foram levadas. O caso, registrado na Polícia Civil, não é isolado. Nos últimos quatro meses, pelo menos seis dispositivos foram arrombados.

A onda de crimes gera prejuízos para donos dos comércios. Eles cobram medidas urgentes para solucionar o problema, já que as câmeras de segurança, graus e travas internas nas portas não são o suficiente para inibir a ação dos criminosos.

No último feriado de 7 de setembro, a banca de cachorro quente do comerciante Gustavo Bosso foi invadida. Os criminosos arrombaram a porta, estouraram a janela e levaram um notebook, o dinheiro do caixa e até os holofotes instalados nos postes.

Banca de cachorro quente em Barão Geraldo, em Campinas (SP), teve segurança reforçada após furto. – Foto: Reprodução / EPTV

Para os moradores, a insegurança aumentou desde que as bases da Guarda Municipal em Barão Geraldo foram desativadas e a frequência de viaturas de policiamento diminuiu.

“A gente só lamenta que, infelizmente, a gente não consegue se proteger disso”, conta Edenilson Grilo, que é dono de bar.

A Polícia Militar alega que mantém o policiamento na área e 434 operações em Barão Geraldo neste ano com o objetivo de coibir delitos, e efetuou 255 prisões em flagrante por crimes contra o patrimônio e outros registros.

Já a Guarda Municipal de Campinas (SP) explicou à EPTV, afiliada da TV Globo, que as bases de Barão Geraldo foram transferidas para outras regiões em imóveis com mais espaço e melhores condições de trabalho para os guardas, mas que a desativação não alterou a rotina de patrulhamento no distrito.

Segundo a corporação, a ronda chegou a ser reforçada. A Guarda pede que uma população denuncie os crimes pelo número 153 para, a partir das denúncias, traçar ações estratégicas para cada área da metrópole.

Base desativada da Guarda Municipal em Barão Geraldo, distrito de Campinas (SP). – Foto: Reprodução / EPTV

VÍDEOS: Tudo sobre Campinas e região



Source link

Escreva um Comentário