Campinas emite atestado sanitário para quadros gripais folhas


Pacientes aguardando do lado de fora da UPA Campo Grande em Campinas (Foto: Reprodução/EPTV Campinas)

Quem mora ou trabalha em Campinas pode solicitar uma emissão de um estado sanitário que garante a ausência no trabalho por três dias e em Campinas o possível infectado para atendimento na saúde.

A medida foi anunciada pela Prefeitura na tarde desta quarta-feira (5) e tem o objetivo de reduzir pela circulação de pessoas também com a suspeita do vírus, já que o documento obriga o cidadão permanecer em isolamento.

"É apresentado um período de três dias para o conjunto em estado médico, apresentado por um período de três dias para um conjunto médico, recebido e recebido um período de especificação, se necessário.

Após a consulta e avaliação, a licença obriga a permanência em isolamento médico domiciliário durante 14 dias. Segundo a Secretaria de Saúde, o solicitante que apresentará informações falsas pode responder judicialmente.

LEIA TAMBÉM
Sintomas da dupla infecção por covid e gripe
Campinas tem dois casos de dupla infecção por covid-19 e Influenza

COMO SOLICITAR

O documento quem é válido morador ou na cidade e pode solicitado de autodeclaração de serviço válido para endereço no endereço covid-19.campinas.sp.gov.br/atestado-sanitario, ou então pelo serviço telefônico 160.

Para, é necessária a presença de dois ou mais dessas síndrome gripal/que são dor de febre também/sintonia de febre/sensação de febre, coriza escorrendo, tosse seca, congestão/nariz entupido, , tosse com catarro, dor no corpo, perda de olfato, perda de paladar.

Os pedidos serão direcionados a um profissional de saúde que entrará em contato por telefone com o solicitante. O trabalho será feito por uma equipe do Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador) da pasta de Saúde. Os dados são avaliados e o atestado é enviado em até 24 horas, por um e-mail.

ALTA DE CASO

A medida em Campinas é calculada em meio a loteação de hospitais da cidade devido a demanda acima do normal para casos suspeitos e de quadros gripais. Hoje, a Administração ainda informou que vai contratar mais 163 profissionais de saúde para a Rede Mário Gatti. Serão 28 médicos, 108 técnicos de enfermagem e 27 enfermeiros.



Source link

Escreva um Comentário