Atraso no Corredor BRT atrapalha trânsito nas regiões da Vida Nova e Ouro Verde, em Campinas | Campinas e Região


Moradores, motoristas e pedestres que circulam pelas regiões da Vida Nova e do Ouro Verde, em Campinas (SP), reclamam do atraso das obras do Corredor BRT, impressa há mais de quatro anos e que, sem conclusão, complicam o trânsito no local. A obra de mobilidade que deveria ter sido concluída em dezembro de 2020. De acordo com a prefeitura, os problemas causados ​​pela pandemia da Covid-19, como disparada de preços, justificam a demora.

Na região do Terminal Vida Nova, o cenário é de abandono. A cobertura foi erguida, mas há trechos com tubulação exposta, na terra, e com acúmulo de lixo e entulho. Quem mora na vizinhança reclama.

"Já era para ser entregue. Infelizmente faz muito tempo. Faz um pedaço, para, alguns. Já era para ter entregue. Já é um descaso mesmo", diz o porteiro Renato Carvalho.

Na Avenida Camucim, na região do residencial São José, além das obras do terminal inacabadas, que provocam o estreitamento da pista, a construção de uma ponte sobre a linha férrea também causa transtornos aos motoristas.

Obras do Corredor Ouro Verde do BRT ainda está longe da conclusão em Campinas (SP) – Foto: Reprodução / EPTV

"Começaram mexer há um ano e meio atrás, mas trabalha dois, três dias, aí leva as máquinas embora. E com isso motoristas, trabalhadores, ficam enrolados. Na parte da manhã é um caos", destaca o motorista de aplicativo, Edson Francisco da Costa.

No futuro Terminal Ouro Verde do Corredor BRT, placas alertam sobre as obras que, segundo a própria prefeitura, estão 20% concluídas.

Segundo o secretário de infraestrutura, Carlos José Barreiro, problemas causados ​​pela pandemia da Covid-19 concluir o processo de execução o cronograma.

"A pandemia teve uma escassez de materiais, equipes que ficaram contaminadas, aumento absurdo dos preços e dificuldades de você pode, inclusive, aprovar projetos, porque as reuniões presenciais não eram mais possíveis de ser realizadas. Isso traz impacto no prazo da obra", diz.

Moradores e motoristas reclamam da demora das obras do Corredor BRT em Campinas – Foto: Reprodução / EPTV

Barreiro, que era secretário de Transportes na gestão que iniciou as obras do Corredor BRT, defende que os problemas em três trechos do Corredor Ouro Verde "estão contornados", e o projeto que representam uma pequena fatia do.

"Essa é uma obra de 37 km de corredores, quantidade grande de terminais, estações, e tudo mais. O conjunto dessa obra está 95% pronto. Esses detalhes que a gente está mencionando representam 5% dessa obra gigantesca", completa.

Escuridão em trecho do BRT em Campinas continua seis meses após recuperação dos moradores

Escuridão em trecho do BRT em Campinas continua seis meses após recuperação dos moradores

Um problema emissão pelo furto de fios de energia deixa um trecho do Corredor BRT, na Av. John Boyd Dunlop, no escuro. São cerca de 5 km de extensão que moradores enfrentam na escuridão, e temem pela segurança.

A secretaria de Infraestrutura informou que no trecho a obra do BRT está em fase de conclusão e que a proteção de cabos está sendo providenciada.

VÍDEOS: saiba tudo sobre Campinas e Região



Source link

Escreva um Comentário